Governo de AL inicia programa de recuperação de pontes

O Governo de Alagoas deu início a um amplo programa de recuperação de pontes em todo o estado. A largada foi dada nesta segunda-feira (20) pelo governador Renan Filho.Em solenidade realizada na Barra de São Miguel, ele assinou a ordem de serviço para a reforma estrutural da Ponte do Gunga, localizada no estuário da Lagoa do Roteiro, rodovia AL-101 Sul.

“Aqui em Alagoas, a gente tem construído novas pontes, duplicado rodovias e melhorado a infraestrutura do estado, mas nós também temos que fazer a recuperação do que já existe”, enfatizou o governador.

Para executar o programa, o Departamento de Estradas de Rodagem (DER) fará levantamento para traçar um diagnóstico acerca das condições estruturais das mais de 260 pontes que integram a malha rodoviária estadual. Elas serão inspecionadas uma a uma e as que necessitarem de reparos receberão os serviços de manutenção.

“Será um amplo programa, jamais feito em Alagoas, de manutenção, estabilização e de prevenção corretiva de todas essas estruturas. Só para que vocês tenham uma ideia, essas pontes juntas representam 9 km de rodovias em Alagoas”, citou o governador.

Renan Filho destacou, ainda, que a Ponte do Gunga, com 480 metros de extensão, é uma das mais importantes do estado. A estrutura integra o Litoral Sul alagoano. Por ela, passam turistas, moradores de diversos municípios da região e boa parte da produção de açúcar e álcool.

Os trabalhos vão se concentrar na manutenção da parte estrutural, que sofre com o desgaste. O secretário de Transporte e Desenvolvimento Urbano, Mosart Amaral, afirmou que as obras possuem o caráter preventivo e não vão interferir no trânsito do local. “A ponte não apresenta riscos de desabamento. Vamos iniciar a mobilização de máquinas e de pessoal ainda esta semana e começar as obras na próxima segunda-feira”, afirmou Mosart Amaral.

Serão investidos R$ 6,6 milhões na obra de recuperação da ponte do Gunga, oriundos do tesouro estadual. Os serviços de reforma ficarão a cargo do DER. O prazo técnico para conclusão é de 180 dias.

Participaram, ainda, da solenidade os prefeitos da Barra de São Miguel, José Medeiros Nicolau, o “Zezeco”; de Roteiro, Vlademir Brito; de Coqueiro Seco, Decele Damaso; de Messias, Luiz Emílio; e de Coruripe, Joaquim Beltrão; o diretor-presidente do DER, Hélder Gazzaneo; o superintendente de obras do órgão estadual, Iran Menezes; além dos deputados estaduais Silvio Camelo, Yvan Beltrão e Fátima Canuto.

Ascom – 20/05/2019